quinta-feira, 17 de março de 2011

Terramoto no Japão


No passado dia 11 de Março, este país sofreu o Maior sismo da sua história – 8.9 na escala de Richter. Seguido por um tsunami que matou cerca de 9000 pessoas e 8606 desaparecidos de acordo com os últimos dados. De acordo com a imprensa japonesa, que cita os serviços de protecção civil, mais de 100 mil casas ficaram destruídas. O número de feridos chega a 2 285. O chefe da polícia afirmou estar certo de que o número de vítimas iria ultrapassar as 10 000 só na região, onde se localiza a cidade de Sendai.

Os trabalhos de recuperação de corpos e de limpeza estão a ser dificultados devido ao racionamento de energia que faz com que haja pouco combustível. Na sequência do tsunami, e do terramoto que o originou, a central nuclear de Fukushima foi afectada e os níveis de radioactividade estão muito altos. As autoridades tentam de tudo para conseguir travar o sobreaquecimento que leva à emissão de materiais radioactivos para a atmosfera.

Sem comentários:

Enviar um comentário