quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Evacuação de uma escola em situação de emergência



Vê este vídeo com atenção e prepara-te para o exercício de evacuação que vamos fazer na nossa escola!

Mau tempo mata homem em Rio Tinto

O mau tempo que ontem se fez sentir de norte a sul do País, com chuva e ventos fortes, provocou cortes de estradas, quedas de árvores e danos em habitações e viaturas. O acidente mais grave aconteceu na zona industrial do Porto, onde uma árvore caiu em cima de um carro, matando o condutor.
A protecção civil elevou o estado de alerta para laranja, o segundo mais grave, temendo ondas de oito a dez metros.
No Porto, a vítima do mau tempo foi Custódio Martins Rodrigues, de 71 anos, que residia em Baguim do Monte, Rio Tinto. A árvore atingiu o seu carro na rua Delfim Ferreira, quando dirigia a carrinha da empresa da qual era sócio, a Maquitubos. A árvore de grandes dimensões esmagou o tejadilho do carro, tendo-lhe causado morte imediata.
"As tempestades causam estes acidentes. As árvores aparentam estar em condições, mas estão podres", disse ao CM o chefe Morais, dos Sapadores do Porto. A situação não surpreendeu os moradores. Odete Augusto disse que já tinha alertado, mas "ninguém ligou".

Correio da Manhã - O que está a provocar este mau tempo?
Manuel Costa Alves - Estamos a ser afectados por uma massa de ar muito instável, que evoluiu durante vários dias no Atlântico.
- Como se explica a ocorrência de tanta trovoada?
- A massa de ar quente vinda do oceano encontrou o frio polar. Os movimentos ascendentes do ar quente levam à formação de nuvens em altitude. Temos nuvens de sete e oito quilómetros de espessura, com muita instabilidade. A fricção das gotas de água com as partículas de gelo nas nuvens provoca a trovoada.
- O mau tempo é para continuar?
- Pelas previsões do Instituto de Meteorologia vamos ter chuva pelo menos até ao fim-de-semana. Nessa altura já deve melhorar.

In Correio da Manhã, 17 Fevereiro 2011

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011


A costa ocidental portuguesa está sob aviso vermelho. A previsão de ondas que podem atingir os dez metros levaram o Instituto de Meteorologia (IM) a accionar este aviso que representa uma situação meteorológica de risco extremo.

O aviso vermelho do IM representa uma "situação meteorológica de risco extremo" e é válido até às 15h00 de quinta-feira.
A costa ocidental deverá ser afectada por "ondas de noroeste com cinco a sete metros, aumentando para sete a dez metros".
A Madeira está sobre aviso laranja e os Açores sobre aviso amarelo. No arquipélago da Madeira o instituto prevê ondas de cinco a sete metros. Também nos Açores estão previstas ondas até sete metros. Os avisos são válidos, igualmente, até às 15h00 de quinta-feira.

Por fim, os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Bragança, Viseu, Guarda, Coimbra e Castelo Branco estão em alerta amarelo devido a rajadas até 100 km/h.

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

PORTUGAL CONTINENTAL EM ALERTA AMARELO PARA MAU TEMPO

Face a um agravamento das condições meteorológicas nas próximas horas, a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) decretou que todos os distritos ficarão em alerta amarelo até às 20h00 desta terça-feira.


Esta segunda e terça-feira aproxima-se de Portugal continental uma superfície frontal e, a partir de quarta-feira, uma depressão que afectarão todo o território. Prevêem-se, por isso, para os próximos dias, períodos de precipitação e vento forte, queda de neve e agitação marítima.Entre outros conselhos, a ANPC recomenda que se proceda à desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e a adopção de uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com eventuais lençóis de água.A ANPC recomenda igualmente cuidado máximo durante as actividades náuticas e a escolha de várias camadas de vestuário em detrimento de uma única peça ou casaco.A Protecção Civil frisa ainda a importância de uma adequada ventilação quando se utilizarem braseiras.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

O nosso Clube está a preparar Acções de Sensibilização e Exercícios de Evacuação em todos os Jardins de Infância e Escolas do 1º Ciclo do AVERT.
Durante a próxima semana vamos divulgar o mapa com a calendarização desta intervenção da Protecção Civil e fotografias do evento.
Fica atento!

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011


Seis distritos com aviso amarelo devido ao frio
Nos distritos de Setúbal e Beja, o aviso prolonga-se até quinta-feira, sendo que as previsões apontam para que termine na quarta-feira nos restantes distritos.
Anteriormente, o Instituto de Meteorologia (IM) tinha colocado aviso amarelo nos distritos de Évora e Leiria.
A previsão para hoje é de continuação de tempo frio com céu pouco nublado ou limpo e vento em geral fraco e soprando de noroeste.
Porém, o vento poderá tornar-se moderado no litoral oeste durante a tarde, sendo temporariamente forte nas terras altas.
O IM prevê ainda formação de geada.
As temperaturas máximas previstas são 13 graus Celsius para o Porto, 14º para Lisboa, 15º para Faro, 17º para Ponta Delgada e 19º para o Funchal.
in JN, 1 Fevereiro 2011