quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Alertas de Incêndios
   
   Os alertas de incêndios florestais têm como objetivo alertar a população do risco de incêndio em cada distrito ou localidade, num determinado tempo e com a cor correspondente ao perigo.

   Mostramos-te na tabela abaixo, o significado de cada cor:



Classes FWI
Descrição do índice meteorológico de risco de Incêndio
Baixo
Fogo de superfície, controlável com material de sapador em toda a extensão do seu perímetro. Intensidade reduzida
(< 500 kW/m)
Moderado
Fogo vigoroso de superfície. Os meios terrestres são efetivos em toda a extensão do perímetro de incêndio. A intensidade entre 500 e 2000 kW/m. Comprimento de chama entre 1,4 e 2,6 metros.
Alto
Fogo de superfície de elevada intensidade (2000 e 4000 kW/m), com períodos de fogo de copas. O sucesso do ataque à cabeça do fogo exigirá, provavelmente, meios aéreos. Comprimento de chama entre 2,6 e 3,5 metros.
Possibilidade de ocorrência de saltos.
Muito Alto
Fogo passivo de copas. O ataque à cabeça do fogo é possível apenas com meios aéreos pesados, mas o seu sucesso não é garantido. Considerações de segurança e efetividade aconselham que os esforços de controlo com meios terrestres incidam apenas nos flancos e na retaguarda do fogo. Comprimento de chama entre 3,5 e 10 metros. Intensidade entre 4000 e 10000 kW/m. Combate direto ineficaz.
Máximo
São expectáveis fogos de copas ativos. A velocidade de propagação, o potencial de focos secundários, e a probabilidade do fogo transpor obstáculos são extremos. O ataque à cabeça do fogo não é possível. A ação dos meios a terrestres devem limitar-se à retaguarda e flancos de fogo. O ataque indireto usando o fogo pode ser efetivo, intensidade superior a 10000 kW/m.




Exemplo: